Revenge (2×01) – Destiny


“Destiny has two ways of crushin us by refusing our whises and by fullfilling them”

E é com tais dizeres que a tão aguardada segunda temporada se inicia, com a premissa de manter e acredito eu ser cada vez melhor que seu ano de estréia. Mesmo com os intensos elogios, Revenge tende a ser um show que amadurece com o tempo, principalmente agora que fora promovido para as agitadas noites de domingo da tv norte-americana.

Não existe um fã da série que não tenha ficado com falta de ar com os últimos minutos do season finale, onde o destino de diversas personagens iria mudar e queiram elas ou não, é a ele que todos aqui, desde Emily a Ashley estão fadados: cumprir um proposito.

O proposito de Emily tornou-se uma mutação de sua própria vingança e ao final, quando a vemos mais humana e próxima a garota que seu pai talvez desejasse que ela fosse, este mesmo destino lhe prega uma peça, redirecionando suas motivações e crenças, agora relacionadas a descoberta de que sua mãe, que lhe foi dada como morta, está bem viva e será o entender de seu passado, mesmo que seja difícil de acessar a principio, que esta temporada aparenta tratar. Este acessar as memórias de seu passado farão Emily seguir com seu plano, este que agora tem uma proporção muito maior, pois não só seu pai fora afetado, mas também sua mãe. Takeda continua a influir muito em sua jornada e novamente no Japão, datando três meses após a morte de Victoria, a overdose de Charlotte e o papel de Conrad em meio a tudo isto, vemos a Lady V está cada vez mais disposta a chegar a seu destino, nem que para isto tenha que quase que morrer afogada, momento este que que lhe reativa uma memória importante de sua Mamma.

Para um inicio, achei este episódio um pouco arremessado, com diversos acontecimentos tomando seu curso, mas muito deles sem lá grande relevância, como Jack e os dramas com Amanda, que apareceu a ele muito grávida. Emeio a ameaças do reencontro dela e Emily, pode existir as suspeitas do bebê não ser de Jack, ainda mais considerando que o solitário dono do bar só está junto a ela pois acredita ser a coisa certa a fazer, não porque ainda nutre algum sentimento verdadeiro, este que fora misturado com sua conexão com Emily ao final da temporada.

Fora isto, algumas novidades não tão novidades dão as caras, a começar pelo relacionamento de Daniel com Ashley, sim nossa alpinista social conseguiu alcançar o mais alto dos postos, claro que para alguém como ela sempre haverá mais. Agora que possui uma assistente pessoal, mesmo que a contragosto de Conrad considerando que conhece o tipo que Ashley representa, a garota parece levar a sério sua nova posição frente aos Grayson, principalmente a organizar o Memorial Day, o primeiro evento da temporada, este que sempre fora organizado por Mamma Grayson, que Deus ou o Diabo a tenham.

Enquanto os preparativos de mais um evento no Hamptons acontece, – o que trará inclusive Charlotte de volta a superfície após sessenta dias internada – Emily reencontra talvez a pessoa que mais confie, apesar da relação acida e complicada: Mr. Nolan Ross. Nosso riquinho favorito está de volta e nestes três prova que as praticas marciais e o boxe tem lhe feito muito bem, ainda mais considerando os traumas que passou em sua mansão, esta que por sinal foi colocada a venda, lhe obrigando, mesmo que contragosto a dona, a fazê-lo morar com ela provisoriamente. É então que a nova “Mamma Trama” dá seu star, com dois visitando o desabitado “Angel of Mercy Hospital”, o hospital psiquiátrico que sua mãe fora internada, local que mantivera  nada coincidentemente suas atividades até dois dias antes da prisão de seu pai. O que é estranho aqui é como um local, que nitidamente foi fechado as presas, deixaria pra trás registros como o livro de visitantes, onde eles vualá descobrem que alguém com uma letra bem familiar estivera ali para visitar a mãe de Emily e este alguém claro que se chama Victoria Grayson.

Charlotte pode vir a ser salva pela trama após sua irritante jornada na temporada de estréia, mas se antes desejava vê-la morta, a pequena bastarda, que agora percebe tudo que o seu “pai” é capaz de fazer e onde sua lealdade deve se manter, poderá ser o grande trinfo da família, pois de fato é ainda a que não fora corrompida, principalmente pelo fato de Emily manter-se conectada a ela, seja por razões genéticas ou de interesse.

Quão impactante foi ver o retrato de nossa vilã favorita estampado com a seguinte frase “In Memoriam”? Pois é, a ideia da Diva dos Hamptons ter ido desta pra uma melhor ou pior para nós, é ainda difícil de encarar, mas tudo se esclarece no decorrer do evento, principalmente após as hipócritas palavras introdutórias de Ashley e o sincero desabafo de Charlotte a dizer que sua mãe podia ser “n” coisas, mas pra ela, era simplesmente a mamãe.

A situação da garota piora dai em diante quando o Dr. Thomas, que a acompanhou no evento, recebe a ligação de que seu exame de sangue identificou a presença de hidrocodona, o que joga pelo ralo seus progressos na reabilitação. Considerando seu olhar incrédulo, ficou evidente que tudo não passara de uma armação de Conrad. Confiando na unica pessoa que lhe mostrou compaixão nos últimos meses, Charlotte sussurra a Emily uma informação que mudará todo o curso: Victoria está vivinha da silva – todos dançam e vibram – mas por enquanto sua localização é restrita, pois fizera um acordo com o governo para incriminar Conrad e assim vive no anonimato, mesmo que isto tenha que lhe dar o status de morta.

“Estou feliz que você está viva”

Victoria vem mantendo contato com Charlotte direto da clinica através de um celular bloqueado, este que é descoberto devido as proibições do sujo Dr Thomas, que vem sido pago pelo pai do ano Conrad para manter a filha sob constante vigilância e retrocesso em seu tratamento, o que pra ele é só uma questão de tempo até que um juiz a declare incapacitada a administrar sua herança e assim ele colocar a Grayson Global de volta aos tempos de glória, seja lá se isto for possível ainda. Emily consegue retornar a cabana, agora acompanhada da colega indiscreta da Shamu e além de ter em seu poder a valiosa informação de seu paradeiro, controla 24/7 as atividades de sua arqui-inimiga.

Macaca velha do jeito que é, Victoria não se mostra nada contente com a intromissão de sua ex-nora e é assim que retoma alguém muito importante na trama: o velho de cabelo branco. Este parece ser o novo “Frank” de Victoria, ou seja, é o responsável por mantê-la na obscuridade além de ser contato dela com o mundo exterior, principalmente a respeito de suas tramoias, estas que envolvem agora tirar Emily do circuito.  O que a Mamma nem imagine é que a filha de seu grande amor já tem planos reservados para ela, pois cada vez mais entende que Victoria tem culpa até o pescoço ao derrubar os Clarke, então é bom vermos que nossa princesa vingativa não deixará que o nome de sua família sucumba de vez.

Pulgas atrás da orelha:

****Flashforward do barco de Jack destruído e as evidências de ter sido proposital, além de a equipe de resgate encontrar um corpo, o que nos faz lembrar da foto promocional do elenco, onde alguém está segurando a beirada do deck.

****Quem será este homem misterioso que estava participando do treinamento de Emily e o qual é seu arrependimento na vida para fazê-lo ir até o Hamptons, tentando compensar através da jornada de Emily, seus erros do passado?

****Qual era a ligação além dele próprio, entre as duas mulheres da vida de David Clarke?

*****Crises de consciência e culpa colocam Daniel numa encruzilhada perante o nome da família, principalmente devido as pressões inescrupulosas de seu pai, que por enquanto não conseguiram influenciá-lo a investir seu fundo milionário na empresa.

****Considerando que o velho de cabelo branco jogou duplo, pendendo para o lado de Victoria, esteve ele então a sabotar o avião a mando da Mamma Grayson e não do Pappa como daria a entender, usando disto como um disfarce para a morta-viva? 

Audiência: Já era de esperar que a mudança de dia ia fazer muito bem a série, assim a season premiere marcou bons 3.2/7 no rating e um total de 9.50 milhões de telespectadores

3 thoughts on “Revenge (2×01) – Destiny

  1. O regresso de Revenge esteve muito bom. Comecei a ver a série no verão, e adorei tudo. Esta segunda temporada promete e já há muitas questões a serem respondidas. Achei interessante como a série usou o flashforward novamente como usou no piloto, para nos fazer questionar quem é que morreu. Na temporada passada teve mais impacto, pois não conheciamos Daniel e as probabilidades dele morrer eram altas. Agora é diferente, claro que não é de Jack o corpo encontrado, eles não iriam matar uma personagem tão central como ele.
    Amanda me irrita mesmo, aquele jeito arrastado de falar… Espero que o bebé não seja de Jack, e que Amanda se vá embora bastante depressa.
    And the bitch is back! É claro que não iriam matar Victoria, ela, junto com Emily são o centro da história. Mas é sempre impactante ver a rainha a voltar dos mortos.
    Fiquei surpreendido quando foi revelado que ela e Charlotte mantinham contato, e que Charlotte sabia do paradeiro da mãe. Gosto muito de ver a cumplicidade de Charlotte com Emily, afinal são meias-irmãs.
    Prevejo uma aliança entre Victoria e Emily, afinal gostava muito que isso acontecesse, as duas são fantásticas e juntas conseguiam provocar um terremoto nos Hamptons.
    Agora o que é que o homem de cabelo branco quer com a Vicky?
    Adorei a season premiere, ansioso pelo próximo episódio!

  2. Hum, um premiere promissora e deliciosa de Revenge…

    O caos está reinando em Hamptons e estarei aqui de camarote, acompanhado pela bela Mary, para ver tudo…

    Uma bela premiere, exatamente como que eu lembrava de Revenge… #ansioso

    Atts

  3. Revenge sua linda!!!!!!!!!!!!

    Emily/Amanda voltou fantástica, como era de se esperar. (:

    Estou muito positivo com essa temporada, e estou adorando a amizade do Nolan e Emily❤

    Victoria não morreu! heheh Nenhuma surpresa, bom demais!!! *–*
    Quero muito ver a Victoria sambar😉

    Eu já estava esperando que a "Amanda" estivesse gravida de outro, não do queridão gostosão, Jack =D

    Ansioso demais para os próximos eps, pq Revenge promete ser surpreendente como foi na temporada anterior *-*

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s