Once Upon a Time (2×01) – Broken


The curse is broken. Why didn’t we go back?

Depois de meses de espera, eis que Once Upon a Time teve seu grande retorno.

O episódio começou bem diferente do que imaginei. Honestamente, depois da season finale, achei que “Broken” já começaria com uma enorme confusão na cidade de Storybrooke, com direito a personagens carregando tochas e armas, prontos para arrancarem a cabeça da Regina assim que possível (o que não aconteceu!).

Broken começou com um personagem desconhecido, que, aparentemente, não tinha nada a ver com o mundo dos Contos de Fadas. O homem estava tendo um péssimo dia, a julgar pelo azar de ver o celular despencando pela janela (se é comigo, eu tenho um treco), até uma pomba aparecer e lhe entregar um bilhete, cujo recado carrega o nome do episódio.

Confesso que pensei que algo mirabolante fosse acontecer com o cara, mas então a história deu um salto e voltamos para Storybrooke, onde todos estavam muito emocionados com o “reencontro”. Sou uma manteiga derretida, então já estava mais do que preparada para chorar com o encontro da Emma com os pais. Apesar de ter passado a primeira temporada inteira se relacionando com eles, foi uma emoção totalmente diferente ver a Branca de Neve/Mary Margareth e o Príncipe James/David abraçando a filha depois de 28 anos de espera. Para quem estava cética com todo o papo de contos de fadas e magia, Emma até que pareceu aceitar bem a ideia de que todas as histórias infantis são reais e que, querendo ou não, ela também é um dos personagens.

Passada a euforia da quebra da maldição, a grande pergunta para esse episódio era: “O que acontecerá com a Regina?”. A resposta para essa pergunta veio quando todos os personagens decidiram fazer um mutirão e bater à porta de sua casa, com a intenção de conseguirem a tão esperada vingança. Apesar de parecer um momento apenas de revolta, foi nesse instante em que todos se deram conta de que apesar da magia estar de volta, não funciona da mesma forma como no antigo mundo deles. Isso foi um grande tiro saindo pela culatra, afinal, Regina contava com a eficácia de seus poderes para poder se proteger de qualquer ataque.

Enquanto a cidade de Storybrooke tentava entender o que estava acontecendo, no mundo dos Contos de Fadas a história da Mulan e da Bela Adormecida se cruzavam. Nunca fui muito com a cara da Aurora, sendo bem honesta (e me perdoem aqueles que são fãs do desenho!). Alguém que passa anos de sua vida dormindo não me parece muito digna de ser adorada como uma espécie de grande heróina, mas em Once Upon a Time, até que comecei a vê-la de um jeito melhorzinho. Me esforcei para não enxergá-la como a “chatinha que só dorme”, mas quem chamou a minha atenção mesmo foi a Mulan.  Achei bem bacana não terem tirado a essência de guerreira destemida e isso com certeza vai ser bem mais explorado mais para frente.

Destaque também para o Príncipe Phillip (Julian Morris, mais conhecido como “Dr. Wren” pelas Liars de plantão hahauah). Gostei bastante do esforço que ele fez para salvar a sua amada, mas o momento mais legal foi o do sacrifício, quando ele diz “Eu te amo” e a câmera em seguida foca na Aurora e na Mulan, deixando a pequena dúvida de “para quem será que ele disse isso?” (apesar de ter 90% de certeza que foi para a Aurora, afinal, é o grande amor da vida dele né? Por outro lado, apesar da chance ser mínima, pode ter sido para a Mulan, pois ele virou o rosto para o lado dela ao dizer a frase, e ele ainda não tinha se despedido da guerreira).

O mais legal desse episódio é que tudo aconteceu da forma que ninguém esperava que fosse acontecer. Acredito que grande parte dos fãs esperava que a Regina recuperasse seus poderes e fizesse seu grande retorno. Seria clichê, é claro, mas era a situação mais óbvia para se pensar. Apesar de uma das promos já ter mostrado que ela estava sem poderes, não iria me surpreender se ela arrumasse uma forma de recuperá-los logo de cara e começar a impor sua autoridade de novo.

Outro destaque é a relação entre Mr. Gold e Bela. É notável o grande amor que ele sente pela mulher, mas também é notável que, para ele, poder e vingança são duas coisas valiosas, e que não está muito disposto a abrir mão. Acredito que um dos momentos chave da série vai ser quando ele tiver que escolher novamente entre o amor da Bela e o uso de seu poder. Conhecendo o histórico do Rumplestiltskin é de se esperar que a resposta dele será: “Magic is Power”, mas vamos esperar para ver.

No mais, o episódio foi bem cheio de tensão. Entre a cena em que Mr. Gold traz para Storybrooke uma criatura sugadora de almas (que, para mim, é um parente bem próximo dos Dementadores) e a cena em que Emma, Branca de Neve e o Príncipe tentam salvar Regina de ser morta pela besta, o momento de mais descontração foi ver a personagem de Goodwin assumindo que teve conversas inapropriadas com sua filha (a cara do Príncipe/David nessa cena foi hilária!).

O final do episódio mostrou que a série vai tomar um rumo bem diferente do clichê que poderia se tornar. Com Emma e Branca de Neve de volta ao mundo dos Contos de Fadas, e Henry pedindo para que Regina prove seu amor por ele e ajude a trazer a mãe e a avó de volta para Storybrooke, é certo que muitas surpresas estão a caminho.

É isso Oncers! A magia está de volta e agora é esperar para ver o que a série nos reserva. Essa é a minha primeira review e espero que tenham gostado :D  Até a próxima!

I will find them. I will always find them.

Audiência: OUAT teve um excelente inicio, marcando 3.9/10 no rating 18-49 e um total de 11.36 milhões de telespectadores.

7 thoughts on “Once Upon a Time (2×01) – Broken

  1. Olá Mily.
    Mais uma nova integrante da “casa de series”, bem vinda (:

    Gostei da review \o

    Vamos ao eps…
    OUAT foi uma das séries que eu mais morri de ansiedade, não aguentava mais esperar, e finalmente voltou e eu me surpreendi, eu estava por esperar minha linda Regina voltar com seus poderes e mandar todos ficarem caladinhos rsrs

    O reencontro com a Emma foi ótimo, emoção demais *–*
    Melhor ainda foi a Emma dizer o pq não estava completamente feliz, tudo foi aceitável, ela se questionando por quais motivos não ficou junto aos pais é foda e complicado, deixando a Branca até sem palavras ‘-‘

    Gold não saiu do salto rs, não queria que ele mudasse, ia perder toda a graça ;D
    Foi demais ver os famosos “Dementadores” indo atrás da Regina, fiquei aflito aqui, pq Regina é a minha preferida😛 haha

    Legal o momento que a magia não funciona de modo algum, e só é a Emma tocar na Regina que tudo começa a dar vida, a magia sempre estava nela, não seria agora que isso não acontecer =D
    Adorei o momento que o James e a Regina se “enfrentam” coitadinho do James, minha Rainha samba muito mais e ia acabar com ele ali mesmo se não fosse pelo seu filho.
    Então agora com a Emma em outro lugar a magia voltou e a Regina vai dominar tudo *-*

    Oq foi a história da Mulan? Incrível, eles inovaram tudo que eu jamais imaginei! Linda, fantástica . o Dr. Wren até que me surpreendeu com um papel que é a sua cara, não dá pra negar o quanto ele estava bonito o.O! Ficou meio vago mesmo o Eu te amo, fiquei com dó da Mulan, ela merecia muito mais hehe =)
    Creio que ele ainda vai acordar, vão achar um jeito de reverter isso.

    Fiquei intrigado com o cara no começo, eu ri de quando tu disse que ia te dar um treco sobre o celular kkkkk, eu também pensei o mesmo hahahaha
    Vamos ver qual será a dele, tem várias teorias por ai, mas eu quero ser surpreendido, então vou esperar para ver oq será de verdade (:

    Enfim, uma volta que mostrou o quanto essa série tem para se desenvolver, estou ansioso para os próximos eps, e espero que nos surpreenda mais ainda \o/

    Regina❤

  2. Seja bem vinda Mily!!! Espero que seja o primeiro de muitos reviews…boa escrita…:P Quanto ao episódio também me surpreendeu a história foi por uma caminho completamente diferente do expectável, mas gostei e acho que finalmente a Emma pode brilhar como personagem e não ficar na sombra da regina. ****

  3. Obrigada amores *-* Fiquei muito feliz por ter sido convidada e prometo fazer o possível para ficar a altura de vocês. Nunca escrevi reviews antes, então vou tentar melhorar com o tempo!
    Sobre OUaT, eu já tô me roendo de curiosidade pelo próximo episódio. Tenho a teoria de que o cara que recebeu o bilhete possa ser o Bae, mas vamos esperar para ver, né? Geralmente quebro a cara, então nem vou apostar tanto HAUHAUHAHA

  4. Antes de mais nada, bem-vinda!!!

    Uma ótima primeira review… Não gosto nem de lembrar da primeira review que escrevi… Meu Deus, era um desastre total… Com o tempo você vai se aperfeiçoando cada vez mais, assim como também vai se tornando mais prático o hábito de escrever…

    Agora sobre Once, me surpreendi com a trama deste episódio, e fora uma surpresa bem positiva, estou muito esperançoso com os próximos episódios.

    Bom, vamos esperar e ver o que esta mágica série irá nos mostrar nesta temporada #ansioso

    Atts

  5. antes demais bem vinda.
    o episódio foi muito bom, e o foco foi a relação e interacção da emma com os país, adorei. vamos ver como voltando de novo a storybroke.

  6. Jurava que o “Eu te amo” do Phillip era pra Aurora, pq mostra a cara de decepção da Mullan. Se for pra Mullan, eu realmente vou ficar decepcionada, sempre fui fã dela com o Capitão Chang. E também pq ela entrega o amuleto do dementador (hihihi HP na veia) para a Aurora, como se ela tivesse admitindo que o coração de Phillip pertence à ela (Aurora).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s