Dallas (1×05) – Truth and Consequences


Partimos de um principio em que para toda uma ação existe uma reação. Partimos de um ditado popular que diz que a mentira tem perna curta. Quando o principio e o ditado encontram-se geram a verdade e suas conseqüências, pois nenhuma verdade é dita sem que haja reações posteriores . E são exatamente estes princípios que este quinto episódio de Dallas se baseia para continuar sua trama sobre poder, orgulho e dinheiro.

 Começamos por Bobby. Se este não tivesse o seu orgulho, este jamais teria impedido John de perfurar Southfork, sendo assim este jamais correria atrás de uma armação para comprá-lo do tio, armação que incluiu o perigoso JR. E em que situação estamos agora? JR é o único dono de Southfork, enganou John, enganou Bobby e sua família e voltou a se tornar um imperador do petróleo, a fortalecer ainda mais o nome Ewing.

 E John? Se este não tivesse a ambição de marcar o seu nome na indústria petrolífera, de orgulhar o seu pai, toda essa briga jamais teria surgido. O pior é que este sente a necessidade de sempre está no controle, de ser o ‘cara’ da jogada, o que acabou por complicar a sua situação. Seu relacionamento com Veronica, a suposta Marta Del Sol, acabou estragando os seus planos, não apenas uma única vez. Agora temos o arqui-inimigo de John, Christopher, a ter uma grande arma aponta na vida de Ross e o único jeito deste conseguir escapar é perdendo tudo o que conseguiu conquistar até hoje.

 Partimos então para Rebecca. Esta que mais sofreu com a verdade dita neste episódio, Rebecca perde tudo que conquistou e não leva apenas a si mesma para o desfiladeiro, Tommy, seu irmão interesseiro, é tragado junto. E Rebecca possui planos ainda mais fortes de afundar de vez o irmão, tudo isso em nome do sentimento que possui por Christopher.

 Qual é o relacionamento de Ann com seu ex-marido? Já tivemos provas o suficiente de que esta não era uma relação fácil, mas algo deve ter acontecido de mais chocante, algo mais sério que causou a separação de ambos. Pela primeira vez na série, Ann consegue me deixar com a pulga atrás da orelha, só espero não me decepcionar com esta.

 Em um episódio onde verdades foram ditas, conseqüências alcançaram os seus alvos e o caos bateu na porta, Dallas novamente se destaca e apresenta um bom episódio. Mas o melhor deste episódio esteve longe de ser as verdades ou a conseqüências que aqui se sucederam, mas sim as mentiras que aqui criou novas formas e novas táticas. Agora só nos resta esperar para que estas mentiras se tornem verdades, novas conseqüências surjam e novos caminhos sejam traçados.

Artigo preparado por: Well Fernandes.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s