Breakout Kings – 2ª Temporada (2012)


Breakout Kings sempre foi uma série com potencial. A FOX não o enxergou, A&E aproveitou o vacilo da FOX e a recrutou para o seu seleto grupo de séries. Então, no ano passado, conhecemos Breakout Kings, série dos mesmos criadores da fantástica Prison Break. E então encontramos diversos problemas… Faltava uma grande trama central, faltava um desenvolvimento nos personagens, faltavam episódios realmente bons, ou seja, faltava conteúdo na temporada de estréia de Breakout Kings. E, sem esperanças alguma de melhora, fui ousar conferir a premiere desta segunda temporada, sabendo que se esta não me agradasse, BK seria mais uma série que desistiria, e cá estou por comentar toda esta segunda temporada. Então fica a pergunta: será que esta temporada superou sua antecessora?

 Sim, meus caros, a segunda temporada de Breakout Kings superou a temporada de estréia em todos os possíveis sentidos. Antes não havia uma grande trama, agora há. Antes faltava desenvolvimento nos personagens, agora há. Antes faltavam episódios realmente bons, agora há. Enfim, em todos os sentidos que a temporada anterior pecou, esta segunda temporada reconheceu os erros e melhorou 100%.

 Um dos primeiros quesitos que se deu para notar uma grande melhoria fora na trama principal da série. Na temporada anterior esta era praticamente nula, eram diversos episódios inteiramente fillers que não nos levavam a lugar algum, mas nesta temporada tudo fora diferente. A inserção de um vilão, a morte de DuChamp e a ligação de Damien com Lloyd geraram diversos momentos gratificantes durante a temporada.

 Com uma trama principal a ser explorada, tivemos a oportunidade de observar mais atentamente o desenvolvimento de alguns personagens, principalmente de Lloyd, que se torna o principal alvo do vilão no decorrer da temporada por já possuir uma ligação com o mesmo, e de Ray Zancanelli, que tem e substituir Charlie no comando da Breakout Kings. Ainda tivemos desenvolvimentos menores para Julianne, principalmente em sua relação com Lloyd, e para Erica, que possui até a sua trama no decorrer da temporada. Apenas Shea continuou sendo sub-aproveitado pelo roteiro, que não nos forneceu muita coisa sobre o personagem ou para o personagem fazer no decorrer desta temporada.

 Muitos episódios desta temporada mostraram um nível acima da média, e completamente acima do que um dia já foi esperado para a série. O último episódio da temporada, Served Cold, fora espetacular e nos abandonou com um dos maiores cliffhangers do primeiro semestre, a premiere, An Unjust Death, fora outro episódio que merece ser lembrado, juntamente com o espetacular SEALd Fate.

 Mas mesmo apresentando uma temporada de boa qualidade, Breakout Kings não conseguiu recuperar os telespectadores que perdeu com sua mediana temporada de estréia, o que ocasionou no cancelamento da série. É lamentável, principalmente quando esta, como dito anteriormente, apresentara um dos melhores cliffhangers do primeiro semestre de 2012.

A melhora veio tardia, mas ao menos pudemos ter um vislumbre do que Breakout Kings poderia ter sido caso seu potencial fosse totalmente alcançado. Ainda estou por lamentar o seu premeditado cancelamento, porém não há mais nada que possa ser feito. Enfim, foi uma boa temporada, repleta de momentos que vale a pena serem reprisados e uma trama que cresceu juntamente com a série e com os personagens. Novamente, uma pena que tudo tenha acabou tão cedo.

 

Artigo preparado por: Well Fernandes

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s