American Horror Story: Asylum (2×08) – Unholy Night


143428-american-horror-story-unholy-night-episode-screencap-2x8No ano passado tivemos o Halloween a ser um evento marcante para a série, neste ano American Horror Story ultrapassava níveis a bizarrice e nos apresentar uma dos Natais mais macabros que a telinha já presenciou. Mas mesmo sendo um bom episódio e tendo um ótimo toque de horror, pregando-nos sustos em diversos momentos, não consegui deixar de ficar com a sensação de que este poderia ter sido muito melhor, muito melhor mesmo.

Foi um episódio rápido, sua mensagem ficou entrelinhas e desenvolveu pouco a trama principal da temporada, mas sou grato pelo pouco que desenvolveu. Senti falta de momentos mais impactantes e significativos, momentos decisivos dos quais lembraremos mesmo depois da série já ter chegado ao seu fim. Mas tudo bem, ainda assim fora um bom episódio que soubera aproveitar os momentos que tivera.

A noite sagrada, assim como o episódio, pertenceu a Mary Capeta e esta com seu jeito peculiar e majestoso começou a moldar o caos em Briarcliff e há apenas uma ponta solta que precisa ser apagada: Sister Jude. O embate entre as personagens não demoram a acontecer, uma vez que Jude agora tem certeza sobre a possessão da garota, porém a batalha aqui fica longe de terminar e, apesar de Mary Capeta ter Arden como aliado, a primeira batalha fora vencida por Sister Jude.ian-mcshane-american-horror-story

A presença de um maluco que possui seu comportamento totalmente alterado durante a época do Natal é interessante e nos remete a diversos filmes e contos sobre as faces do mal do Papai Noel. Mas senti que o episódio foi apressado em nos contar sua história, poderiam ter desenvolvido um pouco mais o personagem antes de colocá-lo para causar o terror na noite do Natal.

A liberação do ‘Papai Noel’ fizera parte de um plano de Mary Capeta para acabar de vez com Sister Jude, uma vez que o personagem possui suas próprias rixas pessoais com a irmã. Mais uma vez Sister Jude se encontra em um teste e lutando contra as forças do mal, mas novamente esta encontra a luz no fim do seu caminho e consegue se livrar das armadilhas do demônio, mostrando a todos que Deus está do seu lado e que ela será o seu soldado nesta batalha contra o mal.

No outro núcleo do episódio tivemos um desenvolvimento interessante, a parceria entre Kit e Lana e a ressurreição do Bloody Face marcaram o episódio. Acontece que Dr. Thredson voltou e quer Lana novamente como o seu troféu, porém desta vez a personagem estava mais preparada e conseguiu dominar o assassino com a ajuda de Kit, que pretende mantê-lo vivo como meio de conseguir buscar a sua liberdade pelos crimes que não cometeu.

Enfim, as tramas estão alinhadas e se encaixando, apenas esperando o momento certo para eclodirem e encontrarem o seu final. Asylum caminha em direção a sua reta final e ainda tem muito que nos apresentar, a batalha entre o bem e o mal ganha tons apocalípticos e promete trazer acontecimentos épicos, algo que nunca, jamais, imaginávamos ver antes.

7,7

Audiências: A série manteve a boa média da temporada neste episódio, conseguindo 1.4 na demo e 2.3 milhões de telespectadores.

One thought on “American Horror Story: Asylum (2×08) – Unholy Night

  1. Eu adorei esse papai noel hahaha Nunca gostei deles, e foi uma boa sacada da série se envolver com isso *-*

    Não foi um eps sensacional ou grandioso, mas foi um ótimo eps, que me deu nervos no final! E até me enganou bastante hehe

    Ansioso para ver o próximo, que acabei de baixar =D
    Até mais

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s