Homeland (2×08) – I’ll Fly Away


Depois de tomar uma pausa e pegar um ar fresco na semana passada, esta semana Homeland voltou a mostrar o poder de sua trama e voltou a nos apresentar momentos decisivos, importantes e interessantes para o decorrer de sua temporada, que por sinal começa adentrar em sua reta final. I’ll Fly Away é um episódio de transição, fortalece a relação de Brody com Carrie e consegue nos deixar demasiadamente ansiosos pelo próximo passo que a série tomará.

Depois dos eventos do episódio anterior, encontramos um Brody despedaçado, confuso e extremamente perdido neste episódio. Os atos de Brody estão por afastar tudo aquilo que lhe importa, sua família está cada vez mais distante, Abu lhe pede muito e pouco lhe oferece em retorno e a CIA continua por pressioná-lo. Não é de se estranhar que Brody não consegue agüentar tanta pressão e se despedaça, joga tudo para o alto e desiste. Devemos nos lembrar que Brody, além de tudo, é um ser humano e possui sentimentos, confusos, mas ainda assim sentimentos. Não sei se eu seria capaz de agüentar o tipo de pressão psicológica que o personagem está por enfrentar, não sei se existe alguém capaz de agüentar este tipo de pressão.

Para suportar tudo, Brody necessita encontrar um forte, uma proteção, e este consegue encontrar o seu ponto de equilíbrio em Carrie e pela primeira vez na série senti que Carrie era a manipuladora e a não a manipulada. É muito confuso, de uma forma positiva, tentar entender o relacionamento entre os personagens, nem os próprios companheiros de Carrie na CIA conseguem compreender, o que gera suspeitas e mais suspeitas sobre a falta de profissionalismo da personagem. A cena onde todos escutam o casal a transar é um dos momentos mais bizarramente tensos do episódio.

Carrie consegue colocar Brody novamente nos trilhos, este dará segmento a sua missão como agente duplo. Mas será que Roya realmente acreditou no pedido de desculpas do rapaz? Esta fora a grande dúvida que o episódio nos deixou, mais uma vez a série brinca com o silêncio e com o suspense, deixando os últimos minutos do episódio semelhante a uma louca aventura da qual você nunca é capaz de saber qual será o próximo destino. O mais inesperado surgiu ao final, quando a presença de Abu Nazir é comprovada em território americano, mas apenas Brody possui tal preciosa informação. Tudo isto me deixou ainda mais interessado em saber quais são os planos e muito mais ansioso em saber o que virá a seguir.

Paralelamente temos Dana a dar segmento ao seu drama sobre ter atropelado e matado a pobre senhora. De um lado entendo Dana e até sinto o seu drama, mas por outro lado sinto que a personagem está por se fazer de muito inocente, sem levar em conta o ambiente em que vive. Mas vale lembrar que a personagem ainda é uma criança e estas atitudes são esperadas, só acho que a série poderia focar em outros elementos ao invés de repetir estas mesmas teclas.

Enfim, fora um bom episódio, não esperava menos do mesmo. Mas a minha atenção está totalmente centrada nos próximos episódios da temporada, o final deste episódio fora extremamente promissor e gerou diversas expectativas. Bom, agora nos resta apenas esperar pelos próximos episódios ansiosamente, pois tenho a certeza de que estes pegarão fogo.

Audiências: A série subiu timidamente os seus números esta semana, alcançando 0.9 de rating e 1.8 milhões de telespectadores.

2 thoughts on “Homeland (2×08) – I’ll Fly Away

  1. Well, eu adorei esse eps mas achei que Homeland deu um tiro no pé em algo que não era preciso, agora!

    Como assim Abu entra no país assim do nada? É tão fácil assim? O homem mais procurado dos EUA entra numa boa, só tirar a barba e pronto?, pfvr erro grotesco!!!!
    Simplesmente odiei.

    Oq foi a Carrie transando com o Brody e todos ouvindo? DEEEEEEELS# MORRRRI, PERFEITO *-* UHASHUAUHSAUHSA
    Poreeeem, vc deve imaginar que eu não quero minha linda com o Brody né? u.u Só que está ficando complicando, ela gosta muito dele =(

    A história da Dana até que ficou relevante, vc não acha?
    Deram algo a ela, e olha que se encaixou bem até, aceitável pelo menos.

    Mas a reta final, foi simplesmente INCRÍVEL! Eu tremia, morria e surtava junto com a Carrie, querendo saber oq estava acontecendo ou oq ia acontecer! PQP
    Pq eles não colocaram rastreador no carro do Brody????? ¬¬ Homeland não pode ficar errando tanto assim ‘-‘

    Enfim, um eps que eu fiquei meio divido, mas por outro lado adorei quase tudo.
    Só queria que a Carrie fosse mais forte sobre o Brody!
    Agora é esperar pela reta final e ver o que será que vai ficar pra 3ª temp.

    • Também adorei o episódio, mas não acho que Homeland deu um tiro no próprio pé… Há diversas maneiras ilegais e não tradicionais pelas quais Abu pode ter entrado pelo país, os imigrantes ilegais estão aí para provar isso.

      Ah, eu adoro Carrie e Brody, porém não tenho tanta aversão contra o personagem como ti… mas também desejo que Carrie seja mais sensata em relação aos seus sentimentos por Brody… Man também não há nada melhor do que ver esta perder o controle.

      Atts

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s