Bloco The CW #4


…:: 90210 (5×03) – It’s All Fun and Games

Parem o trânsito que o motorista do caminhão morreu. Não, meus queridos e queridas, não estou brincando, o motorista do caminhão morreu. Se não bastasse Dixon ter sobrevivido, para a desgraça geral da nação, a um acidente onde este deveria ter morrido, descobrimos neste episódio que o motorista do caminhão morreu, agora como este morreu eu não consegui entender.

Tudo isso me faz perguntar qual a idade das pessoas que desenvolvem o roteiro da série, pois deve-se possuir uns seis anos para criar uma história tão infundada, cheia de furos e de problemas. Outra pergunta também surge com tal problema de coerência, qual será a faixa etária das pessoas que eles, os roteiristas, acham que quem assiste a série possui? Sinceramente, não vou perder meu tempo tentando encontrar uma resposta, acredito que tenho coisa melhor para fazer.

É realmente uma diversão rir dos absurdos de 90210. É realmente um dos pontos mais altos de minha semana.

Sabe, a trama da Silvaca (apelido devidamente reproduzido) poderia até ser interessante caso a personagem não tivesse sido uma vaca por toda a temporada passada. Mas gente, o que fora aquele salto de trampolim e a torção no tornozelo? Não sabia se era pegadinha do malandro ou se tinha uma câmera escondida no meu quarto tentando captar minha reação. Só sei que me diverti muito com tudo isso.

Existem diversas coisas que os roteiristas de 90210 desconhecem, como a lei do impacto, mas não é desta que irei comentar agora. Eles desconhecem o que é uma amizade entre homem e mulher, para eles tudo é na base da pegação, tudo leva a pegação e assim por diante. Coitada da Naomi, novamente prejudica pelas falhas do roteiro. Estou seriamente por acreditar que grande parte dos roteiristas perdeu a virgindade após os 25.

E Vanessa? Será que esta fora despachada para Iemanjá ou será que esta está por preparar a sua vingança? Bom, tudo o que descobrimos sobre a personagem neste episódio fora interessante e esta é realmente uma psicopata. Ao menos esta pode vir a matar metade do elenco. Sonhar é permitido né?

Enfim, por mais que eu me divirta vendo as falhas de 90210, devemos levar em consideração que esta é uma série e não uma parodia de outra série qualquer. E, sendo assim, esta está por decepcionar os seus fãs, o que já não muitos, e está por insultar a capacidade de raciocínio dos mesmos. É 90210, se continuar assim sua estadia na The CW não irá se prolongar por muito tempo.

Nota: 5,0

Audiência: A série caiu um pouco em relação ao último episódio, sendo assim o programa menos assistido na noite de segunda-feira, ficando atrás até mesmo de Gossip Girl. A série conseguiu uma demo de 0.4 e 900 mil telespectadores.

…:: Beaty and The Beast (1×03) – All In

Ao terceiro episódio a série melhora substancialmente, se calhar não tanto pela qualidade apresentada mas talvez pelo descrédito em que a série tinha caído. As expectativas estavam no nível mais baixo, por isso consegui apreciar minimamente o episódio e vislumbrei algum sinal de melhora e mudança na série. Para começar o caso do episódio conseguiu ser mais interessante, ficando ainda assim a anos-luz do desejável, a química entre o casal de protagonistas melhora a cada episódio. Mas para a série marcar a sua posição num mundo televisivo cada vez mais competitivo ainda tem de fazer muito melhor. As cenas da perseguição com a câmera em constante movimento foram um pouco ridículas e desnecessárias, acho que a série pretende inovar, e dar a noção de proximidade mas isso não foi de todo conseguido.

Tess continua a ser uma peça inútil na série, além de uma má representação, parece ainda ser pouco dotada no que toca a perspicácia. JT por seu lado continua a ser a personagem com mais humor, pena não lhe darem grande destaque na história, a personagem merecia e poderia contribuir para melhorar a qualidade. Gostei bastante de Vincent voltar a exercer a profissão e realmente naquele momento a química entre os dois foi notória. Mas tirando o caso da semana que consistia numa emigrante ilegal acusada de matar o juiz, o resto da história pouco evolui, a ação prometida no fim do episódio passado não aconteceu e acho sinceramente que se a série resolver ficar pelos casos da semana, aqui em casa não terá muito sucesso. A série necessita de desenvolver com cabeça, tronco e membros a história de fundo permitindo assim cativar o espectador, caso contrário será mais uma mas de fraca qualidade a apostar no género procedural. No final mais uma promessa de ação, será que desta é para cumprir? Para a semana há mais, logo se verá se será o último ou não.

Nota: 5,9

Audiência: Beauty and The Beast caiu um pouco obtendo 0,6 de rating e 1,9 milhões de espectadores.

…:: Hart of Dixie (2×04) – Suspicious Minds

Hart of Dixie teima em não aprender com os erros do passado e mais uma vez a série retrocede em vez de avançar na história, sinceramente adoro a química entre Wade e Zoe mas a verdade é que este vai-não-vai já enjoa, mesmo para uma fã do casal. Para além disso tirando a história de Lemon, que foi a melhor personagem do episódio, todas as outras storylines foram dispensáveis e desinteressantes. Ruby continua sem mostrar mais-valia na série, claro que permitiu a Lemon crescer e o relacionamento entre esta e Lavon também, mas continua a ser uma personagem irritante e quanto menor tempo de antena tiver mais feliz fico. A história do George foi das piores do episódio, sinceramente esta nova faceta que estão a tentar dar ao George não me atrai minimamente, a melhor parte desta história são mesmos os conselhos de Wade.

Os argumentistas insistem em estragar a personagem de Wade, porque tem de colocar sempre entraves na relação de Wade e Zoe, decidam realmente qual o caminho que querem seguir e sigam-no sem medo. Agora colocar Zoe nos braços de Wade e no momento seguinte colocar ambos em braços alheios não me parece de todo a melhor estratégia para a série, a fórmula está esgotada e independentemente da química do casal não parece ter pernas para voar. Lemon é que apanha um susto no episódio, fiquei feliz de não ter optado pela decisão mais óbvia, uma gravidez nesta altura só faria com que a série voltasse ainda mais no tempo, aí penso que os argumentistas acertaram. Assim como apostar na interação entre Lemon e Lavon em luta contra um rival comum. Um episódio em que poucas coisas interessantes aconteceram, destacou-se a história de Lemon e Lavon e pouco mais.

Nota: 5,7

Audiência:  A série desceu um pouco e obteve 0,5 de rating e 1,3 milhões de espectadores.

3 thoughts on “Bloco The CW #4

  1. 90210 faz-me rir tanto, é a minha nova comédia favorita. Será que quem escreve aquilo leva a sério o que está a escrever? Até me parece que os atores andam um bocado baralhados com os rumos dos seus personagens. Desde quando é que Naomi é tão ingénua assim? Ela é a rainha dos esquemas e não percebe quando é que algo está mal? Descaraterização total.
    Dixon HAHAHAHAHAHAH é o milagre da vida, só que não. Como é que ele tão pouco tempo depois dum acidente tão grave já anda a fazer surf e a andar apenas de moletas? É irreal.
    E a Vanessa parece mesmo desaparecida. Deve ter sido mesmo oferecida aos deuses do mar, porque em terra também não fazia muita falta… Mas o drama dela foi resolvido bem depressa.
    Enfim, quero ver até quão fundo é que isto pode chegar, daqui a pouco descobrimos que o grupo de amigos são todos irmãos e têm todos o gene da Silvaca…
    XOXO

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s