Homeland – 1ª Temporada (2011)


The nation sees a hero. She sees a threat.

Fora com esta simples frase, estampada em um pôster que pouco mostrava, que fui introduzido ao que viria a ser uma das séries mais inteligente, dramática e dinâmica que já tive a oportunidade de assistir. Homeland mudou os paradigmas de uma produção televisa, trouxe atores estrelares, um roteiro atual, polêmico e crítico, uma direção certeira que soube captar a essência de cada grande momento e uma fotografia belíssima que soube captar o conturbado universo que a série criou para si.

Homeland fora a maior estréia da Fall Season do ano passado e a considero a maior estréia desta década para a televisão americana. Muitos podem perguntar sobre Game of Thrones, mas os lembro que a série da HBO possui uma produção magnífica, porém ainda é uma série baseada em uma obra de sucesso mundial. Homeland não, fora criada do zero e cada momento é único, sua história não se encontra em páginas amarelas ao redor do mundo. Não é a toa que a série levou miseras seis estatuetas na noite do Emmy, sendo três delas nas principais categorias dramáticas. Mas o melhor, apesar de achar que Breaking Bad deveria ter ganhado duas destas, é que Homeland merece tais estatuetas, estas não foram dadas apenas porque a série virou hype, mas porque a série fez por merecer tal, virar hype fora apenas conseqüência.

Acontece que Homeland conseguiu o feito de ser uma das séries mais tensas da última temporada. Um roteiro bem planejado, misterioso, surpreendente e envolvente. Acompanhamos a jornada de Carrie e Brody tensos, roendo unhas e até mesmo as pontas dos dedos, pois chegou um momento onde não havia mais unhas para se roer. A incerteza também fora um dos elementos interessantes que a série nos entregou, ficávamos em duvidas, em varias partes da temporada, sobre o que era real e o que era apenas imaginação. Investigamos Brody juntos com Carrie, acreditamos neste quando este jurou não ser um traidor de sua pátria e nos surpreendemos quando o roteiro deu aquela fantástica reviravolta na reta final da temporada. Fora, sem dúvida, um roteiro inteligente e emocionante, o que tornou esta temporada tão fantástica como fora.

Mas tenho alguns pontos a reclamar, bem insignificantes, mas que merecem o seu lugar ao sol. Por vezes as tramas centradas na família de Brody soaram aquém do verdadeiro potencial que poderiam ter, fazendo assim os momentos centrados nesta se distanciar da qualidade que as outras tramas que a série apresentou. Este é o meu único ressalvo em relação a esta fantástica temporada.

Já falamos do roteiro fantástico, agora vamos falar de outro aspecto que tornou esta temporada única: as atuações. Vou começar por falar de Damian Lewis, que esteve incrivelmente bem no papel de Brody. Começo por dizer que este merecia a sua premiação no Emmy, porém ao compará-lo com Bryan Cranston fica evidente que o astro de Breaking Bad merecia um pouco mais a estatueta. Mas Lewis fez o que fora necessário para o seu personagem, o tornou em um grande enigma e quando o roteiro exigiu uma abordagem um pouco mais diferente, este também soube entregá-la com perfeição. Uma ótima atuação, sem sombra de dúvida.

Mas esta temporada teve um único nome: Claire Danes. A atriz superou todas as expectativas que havia sobre sua atuação, nos entregou uma atuação perfeita, sem falhas, digna de todos os prêmios que esta recebeu. Não tenho nem palavras para dizer o quão Danes esteve fantástica no turbulento e emocionante papel de Carrie Mathison, a grande protagonista da série.

Enfim, fora uma temporada fascinante e não me canso de dizer isso. Homeland se mostrou poderosa em todos os sentidos e sua segunda temporada é intensamente aguardada. Apenas espero que esta se saia tão bem quanto sua antecessora, será uma difícil missão superá-la, mas acredito que Homeland nos trará grandes acontecimentos e que a grandeza da série está apenas no seu inicio.

2 thoughts on “Homeland – 1ª Temporada (2011)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s