O Que Esperar da Fall Season – Dinis Pereira


Está quase, está mesmo quase! A ansiedade aperta e a emoção de revermos os nossos personagens da TV favoritos e o que irá estrear este ano aumenta cada vez mais.

Este ano, o meu primeiro aqui na Casa estarei encarregado de quatro séries. São elas as novatas Revolution e Partners, a veterana Dexter e a comédia The Middle.

Sem mais demoras, vamos passar às expectativas que tenho para cada uma destas séries.

Revolution

Esta é das séries da fall season de 2012 que tenho mais expectativas. Tem um bom enredo, bastante promissor, um elenco bom, e quem está por trás das câmaras também é bastante aclamado e competente, o que faz que Revolution seja das séries mais esperadas deste ano. Mas este peso sobre a série pode não ser obrigatoriamente bom, pois esta tem tudo para ser um sucesso tanto em termos de audiência como de qualidade, mas como também pode ser uma desilusão e acabe onde nenhuma série quer estar: no cancelamento. E seria uma pena se esta série não fosse bem desenvolvida, pois esta tem um forte tema e uma mensagem bastante interessante e apelativa. Vejo em Revolution um próximo Lost, ou na pior das hipóteses, uma próxima Terra Nova.

Partners

A razão para que eu veja Partners nesta Fall Season é Sophia Bush. Ela é muito querida por muitos pela sua fantástica Brooke em One Tree Hill, e aposto que muitos irão dar uma espreitada a Partners apenas para ver Brooke brilhar, e matar saudades. Partners parece ser uma comédia interessante. Promete ser leve e divertida, agradável de se acompanhar. Não espero que seja hilariante, mas tem potencial. A sua comédia parece ser o que eu chamo “comédia fácil”, uma comédia óbvia e leve, não tão elaborada ou inteligente, mas que funciona e diverte. Tenho boas expectativas para esta série. Vamos ver o que é que ela pode trazer.

The Middle

Chegámos ao quarto ano desta comédia familiar. Voltamos a entrar no dia a dia da família Heck. Mike, Frankie e os filhos Axl, Sue e Brick prometem entreter-nos com histórias engraçadas, com as quais nos podemos identificar com o nosso dia-a-dia. Eu acho que este é o trunfo da série, a sua capacidade de nos identificarmos com o que está a acontecer na história, e acabamos por nos ver relacionados com esta família. Nesta temporada, Axl vai para a universidade, vamos ver como é que isto afeta o desenvolver da história, e como é que Axl vai lidar com a nova vida. Veremos também o desenvolvimento de Sue, a minha personagem favorita, no liceu. Agora que o seu namorado está longe, vamos ver como é que ela vai lidar com toda a pressão do high school. As expectativas são altas, The Middle tem apresentado boas temporadas, nada de genial, mas bastante divertidas e com uma boa capacidade de entreter. Espera-se que continue assim, e que não caia no tédio.

Dexter

Das quatro séries que me cabe comentar na Casa de Séries, Dexter é definitivamente aquela que eu espero com mais ansiedade. Comecei a ver esta série por incentivo dos meus irmãos, pelos quais não temos praticamente nada em comum, em termos de gostos. Parece que encontrámos um: Dexter. Esta série é das mais bem escritas e interessantes que estão ainda em emissão, atrevo-me a dizer que é das melhores da década. O seu elenco é fascinante, o suspense e o desenvolver da história é fantástico, e o alívio cómico, leia-se Masuka, e Debra, por muitas vezes, são fenomenais.

Dexter aproxima-se da reta final, sendo esta a sua penúltima temporada. Dexter começa a ficar sem saída e cada vez mais próximo de ser descoberto. Tudo se começa a aproximar duma conclusão. Depois de um cliffhanger enorme no final da 6ª temporada, vemo-nos deparados com o seguimento de tal, e as consequências do que aconteceu. São inúmeras as possibilidades para esta temporada, e as expectativas são altíssimas, e espero que a temporada corresponda às mesmas, pois seria imperdoável haver um declínio de qualidade a uma altura destas. Ainda mais quando estão constantemente a publicar excertos para provocar a nossa ansiedade…

Está cada vez mais próxima a fall season, a ansiedade aumenta a cada minuto, e as nossas séries favoritas estão quase a regressar.  Vamos ver o que nos espera, e torcer por coisas boas e surpresas agradáveis nesta fall season 2012/2013.

7 thoughts on “O Que Esperar da Fall Season – Dinis Pereira

  1. Já vi Revolution, o piloto vazou na net antes da estreia e apesar de não ser deslumbrante acaba por não desiludir o que pode ser um bom pronúncio para a série. Quanto a Patners não sabia que a Sophia Bush fazia parte do elenco, irei certamente pelo menos ver o piloto.

    • Eu vi o piloto ontem à noite, também sabia que já tinha vazado na internet, e não resisti em ver. De facto, não é uma obra de arte, mas promete, não me desiludiu nada. Esta semana coloco aqui a review! E sim, vale a pena dar uma olhada em Partners, nem que seja só pela belíssima Sophia Bush!
      XOXO

  2. Estou tão ansioso por The Middle❤ Sou apaixonado por essa família *-*

    Espero que nossas opiniões sejam o mais perto possível kkkkkkkk Não quero você bravo comigo, quando eu não concordar com algo, Well já se acostumou kkkk😛

    Tomara que dê tudo certo pra ti, quem dera eu saber escrever como você e outros, ia lotar de reviews hahaha, mas isso não é pra mim, então fico só nos comentários mesmo *-*

    Até mais \o

    • Muito obrigado Ander! Certamente não vou ficar bravo contigo, acho que até torna as coisas mais divertidas se tivermos opiniões diferentes, mas se ambos concordamos, é muito bom também!
      Sim, esta família é mesmo fantástica. Representam muito bem uma família de classe média-baixa dos USA, e são hilariantes.
      Ah, e aconselho a ver Dexter, eu normalmente não gosto de dramas policiais, mas este é diferente, é muito bom mesmo! E não vais tarde, eu também só comecei a ver no ano passado.
      Muito obrigado pelo comentário, e fico a contar contigo para comentares as minhas reviews!
      XOXO

  3. Nem preciso dizer que vou bater cartão em Partners né.
    B. Davis 4 Life till the end e adoro o ator que fará o par dela!!!

    Já Revolution, que decepção, precinto mais um fracasso de dois grandes nomes da TV atual….Atores fracos, sem visibilidade, a não ser Billy Burke, o resto não parece nada dar conta do recado, PRINCIPALMENTE a guria sem sal, açúcar ou adoçante rsrssrsr, nem mesmo o Hot Enemy Boyfriend dá resquicios…
    Sei lá, piloto bem a quem, apesar da premissa diferente e interessante, afinal COMO SERIA O MUNDO SEM ELETRICIDADE, um mundo escravo de tecnologia e recursos provenientes dela.

    • Eu não conhecia o actor, aliás, só conhecia mesmo a Sophia, e há pouco tempo descobri que o Superman também está nesta série (é o namorado da personagem de Michael Urie).
      Quanto a Revolution, concordo com o que disseste sobre o elenco, afinal não é assim tão bom como eu pensava ser, mas até gostei da rapariga principal, Charlie se não me engano. Mas até me entreteu, o piloto, e penso que a série promete.
      XOXO

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s