True Blood (5×09) – Everybody Wants to Rule the World


True Blood é mesmo uma série incrivelmente bipolar. A criação de Alan Ball possui uma facilidade incrível em alternar o ritmo de suas tramas, em oferecer bons episódio e episódios ruins, todos juntos e misturados. Como já falei anteriormente, esta temporada possui um conteúdo interessante, porém não está sendo bem explorado, o ritmo da trama está muito lento, há muitas histórias e estas se encontram muito desconexas. Mas parece que finalmente a série decidiu fazer algo de útil e encerrar algumas tramas vazias e conectar as demais, juntando assim os personagens principais em um único objetivo, em uma única missão.

Parece que finalmente a série soube o que fazer com a trama de Terry: encerrá-la. Sou super fã de demônios elementares, porém senti que estes foram menosprezados em uma trama ridícula e sem complexidade. Não posso negar e dizer que o final não fora interessante, pois realmente fora legal ver Terry metendo uma bala na cabeça de Patrick, mas, como já disse anteriormente, não nos conectamos o suficiente com esta trama para nos importamos. No final, apenas agradeci por tudo ter acabado, na esperança de que tudo realmente tenha acabado.

Outra trama que encontrou o seu final fora a dos Obama Supernatural Killers. Confesso que esta trama me surpreendeu em diversos sentidos e fora finalizada com um saldo até positivo. A forma com que a trama ligou Sam, Andy e Jason a Sookie fora interessante, apesar da loirinha não conseguir espaço para desenvolver a sua própria trama. O mais interessante ainda fora quando descobrimos quem estava por trás da caça aos sobrenaturais. Muitos poderiam jurar que se tratava da Mama Fortenberry, porém era Bud e sua amante que estava por trás de tudo.

Com o fim da trama que ocupava três dos personagens principais, se tornou necessário uma forma de ligação, ou criação, de uma trama para estes. Não sei se Jason e Andy estarão envolvidos, porém a série encontrou uma forma interessante de ligar Sam e Luna, e até mesmo o inútil Alcide, ao que está por acontecer com a Autoridade. Acontece que Russell, na tentativa de agradar o seu novo namorado e de impor respeito perante o bando de lobos que está por comandar, acaba por seqüestrar Emma e dá-la para Newlin, para que este tenha um animalzinho de estimação.

Aos poucos as tramas estão se conectando, até mesmo Pam e Tara que estão presas ao mundinho do Fangtasia começam a se conectar com a Autoridade. Acontece que um novo xerife é designado para a área que antes pertencia a Eric e este sanguinista está por incentivar a alimentação de humanos, fora que a ocupação do cargo que antes pertencia a Eric acaba por deixar ainda mais preocupada com o seu criador.

A situação de Eric não está boa perante a Autoridade. Bill perdeu o controle e trai a única pessoa em que deveria confiar e acaba por complicar a situação de Eric e da vampira tecnológica. Não vejo muitas saídas para Eric, este se encontra em uma situação extremamente complicada.

Enfim, este fora um episódio que gostei. Admito que muita coisa ainda poderia ser melhora, que muitos detalhes poderiam ser retirados e alguns acrescentados, mas só o fato de que True Blood tem uma noção de onde pretende chegar com esta temporada me deixa feliz. Esta reta final promete ser boa, faltam apenas três episódio para o fim de mais uma temporada e espero que esta temporada, ao menos, seja finalizada de uma forma decente, pois são poucos os episódios que se salvam até o momento.

More Blood:

…:: Gosto de Lafayette como foi mostrado neste episódio, simples, descontraído e divertido.

…:: ‘Suck me, Barbie Vampire’, obrigado Tara pela melhor quote da semana.

…:: Qual a importância da inserção do pai bêbado de Alcide?

…:: Bizarra a cena sexual entre Bill e Salomé, principalmente quando iniciou-se as alucinações e Bill fizera sexo com Lilith.

Artigo preparado por: Well Fernandes

4 thoughts on “True Blood (5×09) – Everybody Wants to Rule the World

  1. Ah Well, eu não achei esse eps lá aquelas coisas. Só gostei por fechar duas histórias que não me interessei muito.

    O ritmo está muito lento mesmo, os personagens estão se encontrando, mas nada me agradou, e olha que até demorei pra ver o eps e sentir saudades da série, mas tudo foi previsível demais!
    Até a traição do Bill ‘-‘

    Foi aquele eps que eu estava já imaginando como ia terminar, como as cenas iam acontecer, por isso digo que não gostei muito.

    Tara soltou a melhor frase mesmo hehe, Morri/
    Ixi finalmente talvez uma trama para a Pam, mas eu quero que ela se junte com o Eric, novamente! Sei que não tem mais nada a ver, mas é ruim ver o quanto a Pam sofre sem o Eric! :X

    Também curto o Lafa assim, ri muito dele no espelho. *-*

    Enfim, vamos ver oq vão aprontar nesses últimos eps, só que sinceramente, não estou animado, vou ver só quando sobrar tempo.

    Até mais Well. *-*

    • Se for ver de um lado mais critico, o episódio não é tão bom assim, mas comparados com os anteriores este é uma maravilha, principalmente quando este encerra duas histórias que não estavam por acrescentar em nada na trama.

      Bom, como tú mesmo disseste, vamos ver o que a série aprontará nestes últimos episódios.

      Atts

  2. Realmente, comparado com os outros episódios, esse foi o “menos ruim”. Porém, ainda bem longe de receber qualquer forma de elogio.

    Desculpem, mas TB é uma decepção atrás da outra pra mim. Uma história que tinha algo interessante para ser desenvolvido como a dos Haters terminou como um simples caso de “ódio de mulher chifrada que a outra, por acaso, era capaz de se transformar num guaxinim”. Sério???…
    Ah, e Sookie só estava ali porque os produtores lembraram que ela é a protagonista da série, então resolveram colocá-la em alguma cena de ação pra justificar o cachê da atriz né…
    E o Bill….se tenho algum resquício de esperança em TB ela se concentra nele. Não que goste do personagem (NEVER!!), mas espero um bom desenrolar dessa sua aparente conversão religiosa….seja ela real ou não.
    AHH…teve uma coisa boa nesse episódio….. o plot do Terry e a fumaça preta acabou…já vai tarde…

    • Então, após muitas decepções com esta temporada de TB, decidi avaçliar este episódio em comparações com os demais que esta temporada apresentou, assim ele até se sobressaiu um pouco. Mas acontece que a temporada em si não está por emrecer elogios, está tudo perdido e desconectado e as tentativas do roteiro em juntas as coisas soas até um pouco forçadas.

      mas é bom ver que pelo menos eles estão tentando, juntou Sookie com Andy, Jason e Sam, e ligou o metamorfo com a Autoridade. Porém o desenvolvimento está muito enrolado e pouca coisa realmente interessante está por acontecer.

      Enfim, TB não está bom… Definitivamente não está bom.

      Atts

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s