Political Animals (1×01) – Pilot


Com uma premissa interessante, um fantástico elenco e o fato de ser apenas uma minissérie, Political Animals finalmente faz o seu debut e cumpre quase tudo aquilo que prometera.

 Qualquer semelhança não é mera coincidência. Political Animals se baseia na história real de Hillary Clinton para trazer-nos a sua trama. Um ex-Primeira Dama que tenta concorrer a presidência e perde nas primárias, acaba por se tornar Secretária do Estado e se divorcia do marido, antigo presidente dos Estados Unidos, que teve diversos escândalos sexuais divulgados a mídia. A semelhança para por aí, em Political Animals acompanhamos o dia-a-dia de Elaine Barrish, seus problemas no serviço e sua crises familiares.

 A minissérie busca relacionar os problemas políticos com os dramas familiares, colocando a personagem principal no meio de ambos, sempre buscando uma solução para não prejudicar nenhuma das partes. Elaine cumpre o seu papel de protagonista com precisão, é uma mulher forte, inteligente porém ainda assim possui suas fraquezas. Outros personagens interessantes que nos são mostrados neste episódio, sendo eles Bud Hammond, ex-presidente e ex-marido de Elaine, e a repórter Susan Berg, que mostra ser dona de uma personalidade bastante semelhante à de Elaine.

 Quando o episódio busca envolver os dilemas políticos, a minissérie demonstra uma grande força dramática. As principais cenas protagonizadas por Elaine, principalmente as cenas onde esta trabalha com Bud e Susan, são o ponto forte do episódio, apresentando bons diálogos e boas atuações.

 Porém as tramas se perdem quando Elaine não está presente. Estamos por acompanhar uma minissérie composta por seis episódios, que busca mostrar a realidade através de uma política controversa e de criticas situações familiares, ou seja, não há tempo para perdemos com tramas extremamente clichês e insignificantes. Ou seja, tramas como bulimia e dependência química não são precisamente apreciadas, apenas mostram que os roteiristas não estavam com muita criatividade na hora de desenvolver as tramas secundárias.

 O roteiro está bem escrito, porém o grande charme da minissérie é o seu elenco. Nomes como Sigourney Weaver, James Wolk e Sebastian Stan brilham aos olhos e brilham na telinha, os demais nomes do elenco também mostram suas qualidades. Apenas senti um pouco a falta de grandes momentos, sim, havia diversas cenas boas, porém não houve aquele momento impactante, que marcaria presença nas lembranças que um dia a minissérie deixará.

 Enfim, mesmo sentindo que algo está por faltar a Political Animals, gostei do que a série apresentou e continuarei por assisti-lá na esperança de que esta apenas melhore durante o seu percurso.

 A Casa de Séries não terá reviews semanais desta série, sendo este um caso excepcional devido ao fato de ser Series Premiere. Caso tenha interesse em dar continuidade aos reviews da série basta nos enviar um email para casadeseries@gmail.com com o review deste ou do próximo episódio.

 Artigo preparado por: Well Fernandes

 

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s