Falling Skies (2×04) – Young Bloods


Quando me deparei com os segundos iniciais já percebi o que estava por vir. Ver Matt andando de patinete que nem um louco em um mundo pós-invasão fora um sinal, um sinal do submundo a me dizer que este episódio iria ser uma grande decepção. Ao ver que tudo era parte de uma armadilha para matar alguns skitters, percebi que a decepção estava por se tornar real.

Não fora na semana passada que todos nós aprendemos a lição de que não se deve caçar skitters? A morte de Jimmy não significou nada, não trouxe mensagem alguma a este povo cabeça dura da 2nd Mass? E o pior que isto não fora nem o que de pior aconteceu durante o episódio, pois neste episódio tivemos uma invasão de adolescentes estúpidos, storylines ridículas e muita coisa desnecessária. Quer um sábio conselho? Tire uma folga esta semana e espere o próximo episódio, pois você não perdeu nada de interessante aqui.

Vamos por parte. O episódio fora focado em tramas adolescentes. Diga-me um adolescente presente em uma série adulta (Game of Thrones não conta) que consegue ser um personagem interessante? Sim, creio que existam alguns, mas todos nós sabemos que estes não fazem parte do elenco de personagens de Falling Skies. Poxa, estamos por encarar uma invasão alienígena e o roteiro se preocupado com Lurdes e seus parentes mortos? Ah, dá-me paciência Jesus pois se me der força eu acabo por quebrar meu computador.

Vamos falar de Matt, que faz a proeza de ser muito mais irritante que seus dois irmãos juntos, que no meio de tanto adolescente burro acabam por se destacar. O que um garoto de 9 anos quer fazer ao caçar alienígenas? Vá aprender limpar a bunda direitinho para depois tentar ser útil, se ao menos este fosse mais velho. E o pior é que temos que aguentar as idiotices e as criancices do personagem. Não há nada de útil para ser mostrado?

Ah, há sim, a filha desaparecida de Weaver. Sério? Não acredito que o roteiro apelou para isto, ainda mais quando estamos por sofrer um pequeno luto por Jimmy. A aparição da garota foi forçada, superficial e não trouxe nada de útil a série, se ao menos esta tivesse decidido permanecer junto com a 2nd Mass seu surgimento poderia ser compreendido.

Aliás, quão estúpido é o grupo de adolescentes liderados por Diego? Estes preferem correr os riscos sozinhos a ficar com um monte de sobreviventes, em um lugar que lhes fornece comida de melhor qualidade e mais segurança. Ajudem-me a entender como que estes conseguiram chegar a esta conclusão mesmo após quase todos terem virado skitters humanos. Ah para, isso foi realmente deplorável.

Quando o episódio teve a chance de ser interessante e até justificar a razão de perdermos tanto tempo com adolescentes idiotas este não conseguiu. Fiquei muito interessado em ver como ocorriam os processos onde os arreios eram colocados nas crianças, porém isto fora mostrado de uma forma superficial, não respondendo nenhuma pergunta e não aproveitando a chance para desenvolver a mitologia, que por sinal é a melhor coisa da série.

Enfim, já deu para perceber que não estou nem um pouco satisfeito co o resultado final deste episódio. Foi um episódio horrível, apresentou uma trama superficial, explorou personagens desnecessariamente e apresentou tramas que não trarão um retorno no futuro, com a exceção da de Ben mas ainda não tivemos um desenvolvimento nesta. Espero que na próxima semana Falling Skies volte a ser aquela série boa dos dois episódios anteriores, pois não será permitido que erros primários, como este episódio apresentou ser, aconteça.

Artigo preparado por: Well Fernandes

5 thoughts on “Falling Skies (2×04) – Young Bloods

  1. Muito duro com o episodio e com a serie.
    Na minha opinao esta s02 está melhor que a 01, e gosto de ver.
    Já parece que embirraram com a serie

    • Totalmente de acordo.

      Na verdade, os dois primeiros são bons episódios e este terceiro, sendo pior que os antecessores, mantém um bom nível.

      Evidentemente que considero que aparecer a filha do outro e depois haver tão pouco desenvolvimento dessa relação foi uma pena. Contudo, teremos de ressalvar que novamente tivemos um episódio mexido e capaz de fazer o que a primeira temporada raras vezes fez: entreter.

      • Nossa, será que fui tão duro assim com o episódio?

        Bom, li os argumentos de ambosporém ainda mantenho minha opinião. Este episódio, para mim, fora ruim e fez por merecer esta nota.

        Na onde uma filha reencontra o pai no meio do fim do mundo e o abandona para ficar com um namoradinho. Sabe, tudo pareceu-me fora de contexto e superficial, e quando acreditei que o episódio poderia melhoras este nãoa proveitou a chance. Ficamos menos de cinco minutos na base dos skitters, quando o roteiro poderia ter aproveitado a oportunidade para nos dar algumas respostas.

        Mas a minha critica a este episódio não significa que desacreditei da série ou que já embirrei com a mesma, se olhar bem os meus outros reviews, em especial o do 2×02 e do 2×03, sabem que estou por gostar do ritmo que esta temporada está por tomar. E estou por acreditar fielmente que esta temporada será superior a sua antecessora. Acredito que este tenha sido um episódio que não combinou comigo, com a minha maneira de ver as coisas.

        Bom, vamos ver o que o resto da temporada irá nos trazer, mas acredito que não teremos mais episódio ruin, ao meu ver, como este.

        Atts

        • Acredito que a sua reacção passe mais pelo baixar da qualidade em comparação aos anteriores que por ser um mau episódio.

          É óbvio que a história da menina esta muito mal pensada, poderiam ter aproveitado este momento para “mostrar” toda uma vida do Weaver que o levou àquele momento e àquilo que ele ali é. Não o quiseram fazer, foi pena.

          Quanto ao miudo, era previsível que algo ia acontecer com ele e assim foi. Demasiado expectável, demasiado dado.

          Também me desiludi com a ida à “fábrica” dos skitters. Poderiam ter desvendado um pouco mais ou pelo menos alguma coisa.,

          No fundo foi episódio que não fará falta. Entretém e dai que lhe desse melhor nota.

          • Então, você expôs cinco argumentos que foram essenciais para a minha compreensão do episódio e eles tiveram um impacto bem grande em mim.

            Ao contrário de ti, infelizmente, não consegui me entreter nestes 40 minutos. Apenas consegui ficar irritado pelo fato de que Falling Skies estava com uma boa história para este episódio, só que não a soube aproveitar de maneira alguma.

            Bom, esta é apenas a minha opinião e muito obrigado por compartilhar a vossa.

            Atts

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s