Episodes (2×02) – Episode Two


Escrever sobre Episodes está por ser um pouco mais complicado do que era esperado de inicio. A série está por criar diversos tipos de sensação e não estão por serem sensações positivas. Este segundo episódio não é engraçado, no anterior havia piadas, apesar de achar algumas de mau gosto, porém tudo o que encontramos neste são pequenos momentos forçadamente cômicos e não uma comédia que lhe faça rir espontaneamente por 30 minutos.

 Antes que comecem a falar, gosto da série. Gosto da maneira com que esta lida com seu peculiar tipo de humor e apesar de desgostar de algumas de suas piadas, ainda assim vejo potencial e uma boa história para a mesma. Porém este início de temporada está um tanto quanto fraco, bem abaixo do esperado para quem adorou os episódios finais da temporada anterior. Mas fora assim que a série se apresentou a nós, os primeiros episódios foram bem fracos e fora melhorando com o tempo, espero que a mesma coisa aconteça com esta temporada.

 Este episódio fora focado no merchandising e nas audiências da segunda semana de Pucks!. Nenhum das tramas conseguiu emplacar e o que tivemos fora um episódio redondinho para quem quiser ficar entediado. O que sempre gostei em Episodes é a sensação de realidade nua e crua que a série nos transmite. Claro, imagino que o mundo dos bastidores da televisão seja menos obsceno, ou talvez até mais, mas a série nunca fugiu da realidade ou de coisas que são possíveis de realmente acontecer. Então nem preciso comentar o quanto fiquei frustrado quando a série apela para o bronzeado de Bev, que está por andar de conversível há apenas um dia, para gerar uma pequena discussão entre esta e Sean.

 Sean está mais para um personagem dramático do que para cômico neste episódio. Mas fora até legal ver sua amizade com Matt aos poucos voltando ao normal, com direito a um novo carro de presente. Fora um pouco forçada a cena onde este relata durante o café da manhã a sensação que está por sentir após ter dormido com Morning, que por sinal ficou totalmente desaparecida durante o episódio.

 A queda de audiência da segunda semana de Pucks! gerou mais momentos interessantes do que os focados nos personagens principais. Lapidus pode ser um total idiota porém em uma coisa este estava completamente certo, a televisão está cheia de séries cujo tema é repetido ou sem relevância alguma, falta originalidade, falta ousadia, e é bom ouvir isso de uma série de tevê, é a prova de que os próprios executivos estão por saber no que estes estão errando. Mas só uma pergunta, então por que estes insistem em cometer os mesmos erros diversas vezes?

 Matt e Jamie foram bem mais consistentes e tragáveis do que no episódio anterior. Matt está por se tornar o amante oficial da esposa de seu chefe e até vejo isso como uma trama que pode gerar diversas coisas interessantes, principalmente se esta for trabalhada da mesma maneira que fora trabalhada neste episódio e não da forma que foi trabalhada no anterior.

 Enfim, um episódio que fora salvo por dois momentos que duraram menos do que um minuto. Myra fora excepcional e a assistente de Bev e Sean, a aspirante a atriz de filmes de horror de qualidade mais do que duvidosa, me fizera perder a cabeça de tanto gargalhar com o treinamento de fala única que esta estava por ter para sua audição. Fora um episódio onde os protagonistas pereceram e os coadjuvantes tentaram, sem sucesso, ganhar o estrelato. Espero que as coisas melhorem daqui para frente e realmente acredito que estas irão melhorar.

Artigo preparado por: Well Fernandes

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s