Awake (1×13) – Turtles All the Way Down (Series Finale)


E uma das melhores séries da temporada 2011/2012 chega ao fim. Mas vamos primeiro ao episódio e depois ao cancelamento.

Como imaginei após o décimo-segundo episódio, o episódio foi completamente focado na resolução da conspiração, e gostei, particularmente, como o resultado foi completamente diferente nas duas realidades. Na realidade verde, tudo se resolve rapidamente, com Bird achando a droga, Harper eliminando seus rastros e quase escapando, mas sendo pega no final graças a uma excelente cena em que Vega, vestido de pinguim, mostra detalhamente para Britten onde está a evidência do envolvimento dela, e Britten saindo vivo e inocentado de tudo.

Já na realidade vermelha, tudo ocorreu de maneira oposta: Bird foi morto, Vega o entrega à polícia, as drogas não são achadas e Britten termina preso. A cena em que ele tenta estrangular Harper ao perceber que ela também estava envolvida foi uma das mais fortes e mais emocionantes do episódio. Só por essa cena, Jason Isaacs merecia um prêmio, e se considerarmos a cena final, ele merecia todos os prêmios.

Infelizmente, com o foco centrado completamente na conspiração, a série termina deixando várias pontas soltas no que concerne alguns personagens, como a gravidez de Emma. Acredito, no entanto, que isso possivelmente tenha sido deixado de propósito para uma potencial segunda temporada, que infelizmente não vai acontecer.

O que acontece, porém, é a conclusão da trama da conspiração e uma mudança completa do funcionamento das duas realidades. Enquanto estava preso na realidade vermelha, Britten é visitado por sua versão “verde”, dando início a uma das sequências mais incríveis e perturbadoras da série, que inclui a cena de Vega vestido de pinguim, a discussão tão esperada entre os dois psicólogos, uma cena com Hannah que serviu praticamente como despedida e a versão “vermelha” de Britten se fundindo com a versão verde, dando a entender que a realidade vermelha não era real. Temos, então, a cena em que Britten confronta Harper no mundo verde e, devo dizer, depois de ele tentar estrangulá-la no mundo vermelho, eu realmente pensei que ele fosse atirar.

Mas isso nos leva ao final do episódio, quando, em uma conversa com a Dr. Evans, Britten se recusa a aceitar que a realidade vermelha não existe mais, sugerindo que ele pode simplesmente ter dormido na realidade vermelha e, antes de retornar à verde, ter sonhado tudo a partir da conversa com ele mesmo. Aí, então, o episódio chega ao final com a Dr. Evans congelando e Britten entrando em uma nova realidade, nem verde, nem vermelha (e devo destacar o trabalho da equipe técnica da série, que é fenomenal), onde Hannah e Rex estão vivos, encerrando a série de maneira positiva.

Lendo a entrevista com o criador da série (o link está no final), acredito que ideia por trás desse final é de que Britten termina bem na realidade verde e muito mal na vermelha, o que talvez tenha levado sua mente a desistir da realidade vermelha, mas ao não aceitar que ela realmente tenha terminado (e, portanto, que sua esposa tenha realmente morrido), seu mente então força uma terceira realidade. Pelo que o criador diz na entrevista, no entanto, os planos para as outras temporadas não eram encerrar a situação de Britten com diferentes realidades, mas modificá-la e torná-la mais fluida, o que leva a conclusão de que o final não significa, necessariamente, que a verdade é que ambos estavam vivos.

Enfim, infelizmente não poderemos conferir o que aconteceria nas próximas temporadas e fico mais triste ainda pelo cancelamento ao ver o criador da série reconhecer que os casos da semana não ajudavam a série e que eles terminariam com isso na próxima temporada. E vocês, o que acharam do final? Foi suficiente ou acham que ficaram muitas pontas soltas?

A entrevista com Kyle Killen, o criador de Awake, está aqui (em inglês).

2 thoughts on “Awake (1×13) – Turtles All the Way Down (Series Finale)

  1. eu imaginava que uma segunda temporada seria que em uma realidade ele teria que conviver com seu desfecho, mas tambem haveria uma busca de resolver a outra realidade em que ele foi mantido preso. Em uma preso e em outra a procura de respostas, esse final me pareceu arranjado, onde pensaram : “vamos remodelar tudo para dar um encerramento satisfatorio”

  2. Perfeito!!!

    Não há outras palavras para descrever este episódio. Sim, a série pecou em alguns de seus episódios, mas quando esta trabalhava seriamente suas tramas principais nos deixava enlouquecidos com sua inteligência.

    O final, quando este encontra Hanna e Rex, fora emocionante, assim como diversas outras cenas no decorrer do episódio.

    Enfim, um pena que a série não terá uma segunda chance, realmente valeu a pena assisti-lá.

    Atts

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s