The Big Bang Theory (5×22) – The Stag Convergence


Finalmente chegámos a um dos momentos esperados… Não o casamento de Howard e Bernadette, mas algo que antecede esse evento e dá sempre muito que falar: a despedida de solteiro. Neste episódio a estrela foi o personagem que tem vindo a ganhar cada vez mais pontos: Howard. Aqui relembramos como ele começou nas primeiras temporadas e como aos poucos tem vindo a crescer e se tornou naquilo que nos foi apresentado esta semana. Um rapaz maduro, pronto para aceitar o compromisso do casamento com alguém, que nem sequer quer strippers na sua despedida de solteiro, para espanto dos amigos. Uma mudança de mentalidade devido ao seu amor por Bernadette. O foco deste episódio foi esse mesmo: a diferença entre o passado e o presente de Howard, o que resultou em, mais do que um episódio em que nos fartamos de rir, um episódio comovente e bonito.

Na despedida de solteiro, no discurso do seu padrinho, Raj, é-nos mostrada outra vez a relação existente entre os dois. Um amor ciumento pelo seu amigo que já levou, episódios atrás, a questionar que tipo de amor realmente é esse. Mas parece-me apenas um amor entre amigos, mas que Raj não gostaria de ter de partilhar com mais ninguém. Esse sentimento de ciúme misturado com álcool a mais não correu muito bem… Temos então o resultado de uma despedida de solteiro inocente, mas que mesmo assim quase ia estragando o casamento, não fosse a declaração comovente de Howard no final do episódio.

Identifiquei-me com Penny numa das últimas cenas em que esta chora quando ouve o que Howard diz, pois sempre senti o mesmo desprezo que esta sentia por ele quando ele tinha aquelas saídas pervertidas e também me comoveria como ela ao ver a grande mudança que o seu amigo teve.

Oh, my God, Howard. That’s the most beautiful thing I’ve ever heard. And it came out of you.

Em relação ao Sheldon, embora não tenha sido a estrela deste episódio como é na grande parte das vezes, não deixaram de dar o seu realce ao tentar torná-lo um pouco mais semelhante aos humanos comuns, ao fazê-lo preocupar-se em integrar o ambiente social de uma despedida de solteiro bebendo álcool e tomando parte dos discursos, tentando fazer um pouco de “stand-up comedy”. Fiquei contente porque mesmo assim não se perdeu a sua essência pois as suas piadas foram essencialmente as mesmas que ele costuma fazer ao longo da série, e não perdeu toda a sua postura geek do costume.

If I’m to participate in the social convention that is the stag night, then I must embrace all its components: including tobacco, swear words, and yes, alcohol.
Jeepers! That’s yucky.

Ainda não é neste episódio que vemos evolução entre a relação de Leonard e Penny, parece-me ainda estar na tal fase beta. Teremos assim de esperar pelos próximos episódios para ver se nos é dada a versão definitiva da relação, que foi dando espaço para o desenvolvimento das outras relações nesta temporada.
Mas para já, que sejam felizes para sempre Bernadette e Howard!

Oh, thank God. I’m still a maid of honor!

Artigo escrito por: Denise Almeida

Aqui fica um aparte: a semana passada deu um episódio especial como celebração do 100º episódio. É um episódio a relembrar os melhores momentos da série e entrevista com os actores, onde estes falam sobre os seus personagens, das suas cenas preferidas e de quais as expectativas para as suas personagens no futuro. Está muito interessante e relembra-nos porque nos apaixonámos por esta série! E é sempre bom ouvir a Melissa Rauch (Bernadette) a falar normalmente…
Vejam!

2 thoughts on “The Big Bang Theory (5×22) – The Stag Convergence

  1. AAAAAH!
    Eu me apaixonei por esse eps, foi muito incrível!

    Ver toda a evolução de Howard é de se orgulhar, como o tempo passa e as pessoas se desenvolve das melhores formas possíveis. *-*
    O final com ele fazendo aquela declaração fluiu tão bem, não foi nada exagerado e forçado, tudo no jeito certo de ser. =)’

    Raj acabou me fazendo rir tanto nesse eps, ainda mais quando está no carro querendo sair do meio da conversa com Bernadette kkkkkk’
    Mas ele relembrando tudo que passou com seu melhor amigo foi perfeito! *-*’

    Já meu Sheldon falou bem pouco, mas o Ba- Ba – Bazinga!!! Já me matou por inteiro kkkkkkkkkkkk *—*’ É gostar muito desse personagem😛 hehe😉

    Foi um eps muito bom e gostoso de ver. *-*’ (:
    Morrendo com a pressão da 5ª temp. está beirando o final, e ter que aguentar até setembro pra ver toda essa turma de novo rs. =(‘

    Que especial foi aquele???????
    Como a Melissa Rauch é lindaaaaaaaaaa demais. Paixão! rs *-*’
    E como foi ótimo ver cada ator falando do seu personagem, das melhores cenas, do q espera para o futuro, um especial feito para os fãs lembrarem o quanto são apaixonados por esse seriado *.*’
    Jim Parsons seu Perfeito! *—*

    Ótima review, obrigado novamente hehe😉’
    Até a próxima!!! =)

    • Hello!! Sim,como disse Sheldon não foi a estrela como é costume, mas mesmo assim teve os seus momentos hilariantes do costume. E quem diria que ele seria tão agarrado a Will Wheaton agora… Lol.

      A declaração final do Howard foi linda, nem parecia a mm pessoa do inicio da série. No inicio as únicas coisas que saiam da boca dele eram parvoíces sem graça nenhuma…!

      Vamos agora esperar pelo momento do casamento em si, que penso promete!

      Até para a semana :)****

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s