Hart of Dixie (1×19) – Destiny and Denial


Estou de volta para narrar as aventuras e desventuras dos habitantes de Bluebell. Depois de assistir provavelmente ao episódio mais emocionante e dramático que HOD conseguiu trazer, confesso que fiquei com expectativas para este episódio, contudo e diferentemente ao episódio passado a série voltou a cair nos mesmos erros. Se não vejamos: 1) Indecisão: tão depressa atiram Zoe para os braços de Wade como para os braços de George, acabando a personagem a saltitar de uma poça para a outra mas sem molhar verdadeiramente os pés. Acho que está na altura de os argumentistas darem definitivamente um rumo sério à personagem, seja com George ou Wade. 2) Repetição massiva de storylines: num momento de clarividez Wade quer ficar mais responsável e tornar-se um homem melhor, no momento seguinte comete uma das muitas loucuras, continuando neste impasse desde o inicio da série. E neste episódio abriu-se novamente a porta para a ex-mulher entrar, again digo eu novamente. 3) Novas personagens: sinceramente acho que a esta altura já todos percebemos que o lugar de Zoe será ou com Wade ou com George portanto não vejo necessidade de sistematicamente introduzirem novos interesses amorosos à personagem que não levam a lado algum. Depois de desabafar as minhas frustrações, vamos lá ao episódio em si.

Depois das bombas largadas no episódio passado, esperava alguns estilhaços e danos, mas estranhamente temos um George relaxado, livre e feliz. Mas como boas princesas, as duas donzelas abandonadas vão em seu auxílio, uma com uma sopa caseira enlatada e outra com o seu bolo favorito. No fim apenas uma ganha o perdão, neste caso Zoe Hart que tem direito a uma ida a New Orleans onde descobre a faceta de cantor do seu amado e ainda ganha um beijo de brinde. No entanto uma música acaba por estragar os planos da noite perfeita, acabando George a noite à porta de Lemon expressando toda a sua frustração. A história do happy George pareceu-me um pouco forçada e fora de contexto, felizmente George voltou a si a tempo de demonstrar a verdadeira personalidade e deixar a ideia de bobo da corte um pouco de lado. A parte mais cómica do episódio ficou guardada para o momento de cantoria de Brick e do Tom e a sua Wanda. Um episódio razoável, esperava mais depois do antecessor ter elevado os padrões, mas a série não conseguiu manter o nível e acabou por repetir alguns erros, falta evolução, falta decisão e falta a comédia que se tinha tornado num dos pontos fortes da série e que anda desaparecida.

Artigo escrito por: Filipa Silva

2 thoughts on “Hart of Dixie (1×19) – Destiny and Denial

  1. Ah Fi gostei deste episódio… Mas isso deve ser porque eu sou mais Team Zorge que ti hehehe.

    Achei bem interessante a forma com que colocaram George para processar tudo o que aconteceu, não é muito realista mas ainda assim gostei.

    Já achei as demais partes do episódio um pouco dispensável, tentaram ser cômicas mas ainda assim não consegui sentir a magia.

    É bom lhe ter de volta em Bluebell.

    Atts

    • Pois eu acho que a minha desilusão tem haver com o facto de a série não se decidir, optar por um caminho, arriscar e andar sempre neste vai nao vai e sem realmente trazer algo de novo, uma mudança, um rumo. E mesmo eu sendo totalmente Zoe e Wade, acho que cheguei a um ponto que quero simplesmente que a série tome um rumo, que arrisquem minimamente e nos façam ter a sensação que afinal ao fim de 22 episódios algo evolui e mudou, nem que isso implique juntar Zoe e George.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s