House (8×16) – Gut Check


Como avaliar este mais recente episódio de House? Como avaliar um episódio que conseguira o feito de ser completamente ridículo em alguns pontos e completamente interessante em outros? A única maneira que encontrei foi dividir o review em duas partes, a parte que realmente valeu a pena ter conferido e a parte que quero retirar da minha memória o quanto antes. 

Sem mais delongas, vamos a tais: 

…:: House, Wilson e Duncan

 Ainda estou por tentar entender como os roteiristas responsáveis por um dos melhores dramas médicos de todos os tempos conseguiram desenvolver tal ridícula trama. Wilson nunca recebeu o destaque que sempre mereceu, e quando recebe é para destruir a personalidade que este construíra ao decorrer das oito temporadas da série.

 Como ele não pode perceber que toda a história de possuir um filho de 11 anos fora armação de House? Sério, como ele, a única pessoa que realmente conhece o médico naquele hospital, não percebeu que era tudo mais uma brincadeira ignorante de House? Desde o primeiro segundo, desde o primeiro momento, nunca cheguei a acreditar que Duncan era filho de Wilson e fiquei completamente furioso ao ver tal personagem ser taxado de ignorante e burro apenas para que o episódio tente nos chocar ao revelar que tudo é mais uma das brincadeiras de House. Isso me deixou realmente furioso com a série.

E mesmo se fosse, mesmo se Duncan fosse um filho perdido de Wilson, como ele pode perdoar House por nunca ter lhe contado? Não houve lógica nem inteligência na construção desta trama e tudo que esta conseguira fazer foi mostrar o quanto os roteiristas estão sem criatividade e o quanto estes estão relaxados em relação à qualidade da série.

  

 

 

 

 

 

…:: House Team

Primeiramente, alguém vai procurar a Adams pois não vi esta durante o episódio inteiro. Pensando bem, não precisa não, pois esta não fez falta alguma e as coisas fluíram em uma ótima sintonia sem a presença desta. Pela primeira vez, que me recorde, na história da série, o episódio é sustentado pelas tramas apresentadas pelo House Team.

O envolvimento de Taub com o paciente trouxe uma boa dinâmica ao episódio e gostei da forma com que o roteiro trabalhou tal. E a trama cômica envolvendo Chase e Park fizera brotar inesperados risos em meu rosto, principalmente quando eram utilizadas piadas sobre uma possível relação sexual entre eles.

Este episódio apresentou o que muito pouco vinha por ser apresentado nesta temporada, um caso clinico interessante, um envolvimento interessante entre médico e paciente e piadas internas que realmente estavam por ser engraçadas. Sendo assim, achei injusto avaliar esta boa parte do episódio juntamente com a outra trama apresentada, visto a diferencia de qualidade entre ambas.

 

Concluindo, a qualidade dependerá do tipo de telespectador que você é. Se és um tipo de telespectador que gosta do lado procedual, do lado mais clinico da série, este episódio será bem prazeroso para ti. Porém se és um telespectador que prefere o desenvolvimento dos personagens, uma trama mais complexa e duradoura, acharás este uma perdição e um dos piores que a série já apresentara. Enfim, dependerá muito do gosto, mas de qualquer forma estou realmente decepcionado com House.

Artigo escrito por: Well Fernandes

4 thoughts on “House (8×16) – Gut Check

  1. Parabéns Well. Esse é um daqueles episódios que eu não faria idéia de como escrever sobre.
    Muito boa a divisão e muito honesta com ambas.
    O filho do Wilson foi um dos plots mais ridiculos da história da série. Pena, pois o personagem é muito bom.
    Até!

    • Foi realmente meio complicado… Passei a noite pensando na maneira que conceberia este review… Fico feliz que tenha funcionado desta forma…

      Sabe até consegui entender a mensagem que o episódio tentou nos passar ao trazer esta trama do filho de Wilson, mas a forma ridicula com que ela fora transmitida deixara tudo com uma sensação superficial e na tentativa de desenvolver o personagem a série apenas regrediu o mesmo… Realmente espero que os melhores epísódios estejam reservados para o final…

      Atts

  2. Excelente forma de fazer a review deste episódio! Concordo com tudo o que disse, é difícil acreditar que as duas partes do episódio foram escritas pela mesma pessoa. Achei que nesse ponto já teríamos episódios apontando para o final da série, mas nem sinal… a não ser que Chase e Park terminem juntos

    • Também estava por esperar que nesta altura do campeonato estariamos sendo preparados para o grandioso Finale… Mas como tú mesmo disseste, a não ser que este final for termos Chase e park juntos, o que seria no minimo interessante…

      Atts

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s