Once Upon a Time (1×15) – Red-Handed


Após o pesadelo que fora acompanhar a série na semana anterior, Once Upon a Time volta com um aguardado episódio e consegue cumprir as expectativas daqueles que ansiavam pela envolvendo a tão envolvente Red e Ruby, ou intimamente, a Chapeuzinho Vermelho. Red-Handed fora um ótimo episódio, tornando-se assim um dos melhores que a série fora capaz de nos apresentar até o momento.

O grande trunfo de Red-Handed consegue ser o mesmo do excelente The Heart is a Lonely Hunter: o desenvolvimento do personagem principal. Neste episódio conhecemos tudo e mais um pouco sobre a personalidade de Red e Ruby, que apesar de serem bem semelhantes, se mostram bem distintas ao decorrer do episódio. Mas não só o desenvolvimento de uma das personagens mais interessantes da série fora o ponto forte desse episódio, aos poucos a trama principal fora capaz de evoluir e o ritmo desta ficou bem interessado ao ser misturado com a história de Ruby.

No mundo da fantasia temos uma história semelhante a trama de Red Riding Hood (A Garota da Capa Vermelha, no Brasil), filme meia boca cujo único ponto positivo é a presença de Amanda Seyfried. Temos um Lobo a atacar uma pequena aldeia e as pessoas desesperadas com a presença de tal criatura. A série soube criar um ótimo clima de suspense devido a excelente edição que este episódio tivera, a revelação final sobre quem na verdade era o Lobo fora mais do satisfatória. Mas o que mais me interessou fora a atitude corajosa do roteiro em trucidar um personagem que tinha importância para Red, sem dó nem piedade o roteiro se desfez de tal infeliz. Mas sinto que ainda há história para ser contada, ainda há a culpa e a aceitação a serem sentidas por Red, apenas após isso esta pode se tornar a personagem possuída com uma alegria contagiante que vimos em alguns flashbacks anteriores.

É neste episódio que também descobrimos sobre como Snow e Red se envolveram e se tornaram amigas. Acontece que Snow ajudou Red e a Granny a passarem por tal obscura época de suas vidas.

Já a Red de Storybrooke, que atende pelo nome de Ruby, se mostra muito mais frágil do que aparentava. Toda aquela promiscuidade e todo aquele charme eram apenas desculpas para disfarçar o tanto que esta não se dava um verdadeiro reconhecimento de suas capacidades. Fora necessário uma briga com Granny e um pequeno estágio com Emma para que Ruby percebesse que é capaz de fazer muito mais coisas do que antigamente acreditava.

O mais interessante porém fora o fato de que Ruby, após o surto psicótico de David, o que comentarei mais a seguir, encontrara uma importante peça para o desenvolvimento da série: o coração de Graham. O mais interessante ainda é que temos as digitas de Mary encontrada na caixa, será que a caixa estaria ligada à razão pela qual Evil Queen odeia tanto Snow? O que será que acontecerá uma vez que for notificado que o coração não pertence à Kathryn mas sim a Graham? Esta parte do episódio fora capaz de deixar-nos com diversas perguntas e espero que a série não tenda a nos apresentar diversas tramas paralelas antes de começar a respondê-las.

Outro elemento interessante mostrado no episódio fora o blackout sofrido por David. Antes tínhamos a certeza de que este não poderia estar com Kathryn, porém agora estou com minhas duvidas porém não acredito que o roteiro irá apelar para algo tão óbvio assim. Estou mais por acreditar que aos poucos a memória de David esteja voltando, mesmo que este não esteja consciente desse fator ainda e acredito que este será o próximo a se lembrar de sua vida passada.

Sim, este fora, seguidamente de The Heart is a Lonely Hunter, um dos melhores episódios dessa fabula fantástica que a ABC está nos apresentado. Sim, ela já mostrou também ser capaz de ter alguns momentos ruins e vários momentos medianos, mas são episódios belos como este que nos fazem ver a razão pelo qual consideramos esta a mais apaixonante dentre as novas estréias.

Artigo originalmente publicado no Portal de Séries.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s